A partida. De Salvador as impressões primeiras de Manaus.

Enfim chegou o dia, depois de quase quatro meses caminhados a passos de tartaruga, o mochilão pegou minha carona e seguimos curiosos, com extrema gana de conhecer o desconhecido.

10 de dezembro de 2013, segunda normal para todos, primeiro dia de trabalho de uma simples semana. Pouco antes, no final de semana, sábado e domingo, muitos encontros, festa, abraços, e despedidas – como é bom ter amigos. Pena que eu já não estava mais ali.

Partimos para o aeroporto, eu alucinado, um turbilhão de pensamentos me acompanhavam, além de Neto(irmão), Galego(primo-irmão) e Laiane(amiga e cunhada). Em verdade estava só, viajando em profundo sonho.

Uma conexão de três horas em Brasília, ali vivi por quase um ano, boa experiência, e as 11 horas, horário local, vejo, ao vivo, os rios Amazonas e Negro se encontrando, um espetáculo. Estava na Amazônia. Ao redor só via verde, um tom intenso e infinito, parecendo querer invadir a encurralada Manaus. Capaz de nos fazer respirar, ainda de dentro do avião, um ar profundamente mais puro.

Imagem

Fui recebido por Denyce, um doce. Ela é de Barbados, uma pequena ilha caribenha, e faz intercâmbio em Manaus. Vive num aconchegante apartamento e teve a delicadeza de me hospedar por dois dias. Trocamos experiências, sonhos e objetivos. Apesar de não conhecer,  ela gosta muito de Salvador e fala em viver em terras baianas por algum tempo.

Saimos, pude ter as primeiras impressões da metrópole amazônica: pessoas por toda parte, trânsito intenso, barracas e camelôs disputando, além de potenciais clientes, espaço com os pedestres. Tudo muito parecido com os grandes e desorganizados centros, como o que conhecemos em Salvador – Manuas é muito pulsante, próxima a desorganização.

A noite em muito me encantou, tive a sorte de conhecer, numa quarta-feira, o dia das apresentações de muitos artistas nativos, de forma extremamente regionalista e talentosa, no largo em frente ao  Theatro Amazonas. Uma verdadeira declaracão de amor e orgulho a amazônia e seu povo.

Depois, eu, Dayana e Carol(manauaras que também me ajudaram a conhecer a cidade) fomos ao famoso Bar do Armando, casa antiga, tradicional, ponto mais atraente para beber cerveja e curtir uma boa música ao vivo.

ImagemImagemImagem

O povo é parecido físicamente, são de estatura baixa os nortistas e sempre lembrando as características dos sobreviventes indios de nossa terra. Na rua se encontra de tudo, mal humorados,  simpáticos, impacientes e atenciosos… até aí tudo bem, normal e característico de todas as partes de nosso país e do mundo. Entretanto, o que realmente me chamou a atenção foi ambiguidade político-cultural dos amazonenses, ao mesmo tempo que se orgulham de sua terra, põem-se a disparar comentários que sobrevalorizam o sudeste do Brasil; enxerguei neste povo muito deslumbramento, atração real, admiração exagerada pela região mais rica econômicamente do nosso país. Se vê, de forma expontânea, seus olhos brilharem quando se fala em Rio de janeiro e São Paulo. Imagem

Talvês seja culpa da Globo, como todos sabemos, para este monstro da comunicação, o Brasil se resume a isto.

 

De qualquer forma, me apaixonei pelo jeito sorridente dos Amazonenses, eles sabem que são especiais e usam isso de forma muito positiva. Esbanjam, em sua maioria, simpatia e originalidade. Isto nunca pode se perder. E a  economia do Rio e São Paulo, com todo respeito e nada contra, jamais poderá comprar.

Advertisements

2 thoughts on “A partida. De Salvador as impressões primeiras de Manaus.

  1. Rapaz Que Blog Massa Man !!!!! muito rico em informações e fotos, estou feliz por você estar conseguindo conquistar o SEU SONHO , e poder compartilhá-lo conosco ! Muito sucesso saude e paz pra você conseguir conquistar todos os locais que vc está buscando e volte pra nos contar a sua experiencia um forte abraço

    Like

Obrigado por participar do blog A Minha Viagem!

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Beddel )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Beddel )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Beddel )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Beddel )

Connecting to %s