Degustando das belezas de Manaus

A concentração maior e com contexto mais histórico, o que me atrai, se estabele referencialmente no centro da cidade.

Encostadas a margen do Rio Negro, beijando a natureza dia-a-dia, instalam-se as belas construções, erguidas quase sempre por arquiteturas imponentes típicas dos grandes casarões e palacetes, basicamente, dos séculos XVII, XVIII e XIX.

O exuberante Theatro Amazonas, brilhante monumento, fincado defronte ao principal largo da capital amazonense, ocupa de todo um quarteirão. Alí, por todas partes, dentro ou fora de suas dependências, em seu redor, respira-se cultura. Há museus, centros culturais, campos de leituras, restaurantes e bares típicos, quiosques vendendo o famoso Tacacá, apresentações culturais e turistas, muitos turistas confeccionando fotos de recordação.

Mais adiante está o Porto de Manaus, bonito e sobrecarregado de embarcações comerciais, estas levam pessoas para praticamente todas as partes da região norte do Brasil, aonde os braços do rio pode alcançar.

São trabalhadores apressados em despachar mercadorias que abastecem todas as comunidades ribeirinhas do Amazonas, passageiros carregando malas e redes que serão camas durante a viagem (nos barcos as viagens, em maioria, são lentas e podem durar seis, sete dias, como a minha que fiz quatro dias depois que cheguei a Manaus, viajei por seis dias sobre os rios Negro e Solimões, até Benjamim Constant, dormindo em rede. Esta história conto depois…), barracas improvisadas vendendo passagens e muita gente transitando de um lado para outro, como que se distraindo em meio a confusão divertida de um peculiar porto.

Bem de frente fica o Mercado Municipal, sempre apreciando as águas escuras do Rio Negro. Tem uma arquitetura moderna para a época que foi contruido(1882), muito diferente dos coloniais mercados existentes no Brasil. Este caracteriza-se pelas divisórias organizadas, específicamente, pelos tipos de produtos comercializados. Arejado, confortável para andar e muito rico de mercadorias – gostei do mercado de Manaus, é diferente!

Por fim, devo registrar a Biblioteca MunicipalNão tive a oportunidade de apreciar seus livros, que obviamente são sua maior riqueza, mas só de observar sua estrutura, fez-me encantado. Ela foi restaurada a pouco tempo, e está linda, digna de um cartão postal, sem dever nada a qualquer prédio histórico contemporâneo. Imponente em meio as casas de comércio que invadiram todo o quarteirão. Parece convidar, com elegância, todos que passam desesperados e desinteressados a sua frente.

É uma rua estreita, próxima a Praça do Índio, importante local de comércio informal da cidade.

Quero voltar; quem sabe na volta dessa caminhada pela Colômbia e América Central. Vale muito conhecer a metrópole amazônica. Com mais tempo, obvio, será muito melhor.

Theatro Amazonas

Theatro Amazonas

DSC00246

Dentro do Mercado

Dentro do Mercado

 

Porto de Manaus

Porto de Manaus

Mercado Municipal                                                           Mercado Municipal

                                                       

Advertisements

2 thoughts on “Degustando das belezas de Manaus

  1. Rafa! Estou muito feliz em poder esta conhecendo através de você, por suas palavras e imagens de cada cultura, cada uma mais iluminada que a outra. Parei agora, no seu blog e já estou feliz pelas suas colocações e lembranças de cada um de nós, e de como esta sendo sua viagem… seu sonho!! Você é um amigo guerreiro e corajoso. Deus te ilumine sempre em cada passo e em cada lugar que você passar, que continue com seu brilho e que carregue um pouco na sua bagagem… Ah! Não esqueci, que iria me mandar postais… estou aguardando!!! (risos)

    Like

Obrigado por participar do blog A Minha Viagem!

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Beddel )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Beddel )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Beddel )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Beddel )

Connecting to %s